Todos os vírus da Covid no mundo caberiam numa lata de refrigerante

Os cálculos foram feitos por um matemático britânico para expor quanta devastação é causada por partículas de vírus minúsculas.

Todos os vírus causadores da doença Covid-19 que circulam, neste momento, no mundo poderiam caber facilmente numa única lata de refrigerante. Os cálculos foram feitos por um matemático britânico para expor quanta devastação é causada por partículas de vírus minúsculas, recorrendo às taxas globais de novas infeções e estimativas da carga viral, Kit Yates, o especialista matemático da Bath University, percebeu que há cerca de dois quintiliões de partículas de vírus SARS-CoV-2 circulando no mundo.

Sobre os passos que tomou para fazer os cálculos, Kit disse ter usado o diâmetro do SARS-CoV-2 - que mede cerca de 100 nanômetros - e depois calculou o volume do vírus esférico,mesmo tendo em conta as proteínas 'espigadas' pelo novo coronavírus e o fato de que as partículas, por serem esféricas, iriam ter espaços entre si ao ficarem juntas.

O total é na mesma menos do que uma lata de refrigerante (33cl)."É surpreendente pensar que todos os problemas, a disrupção, as dificuldades e perda de vidas que ocorreram durante o último ano são causados por algo tão pequeno", disse o matemático em comunicado citado pela Reuters quase 2,36 milhões de pessoas morreram desde o início da pandemia e houve mais de 107 milhões de casos confirmados em todo o mundo, dos quais pelo menos 66 milhões de pessoas já foram consideradas curadas.

Fontes: Notícias ao Minuto


Nenhum comentário: