25 anos depois, Microsoft inicia 'enterro' do seu produto mais famoso

Depois de 25 anos em funcionamento (e muitas críticas), o Internet Explorer vai desaparecer.

O browser que marcou a identidade da Microsoft ao longo dos últimos 25 anos vai começar a desaparecer dos computadores. Segundo a própria empresa, o Internet Explorer começará a desaparecer a partir de 30 de novembro e permanecerá a correr apenas nas aplicações da Microsoft 365 até 17 de agosto de 2021,a gigante tecnológica está agora focada no seu novo browser, o Microsoft Edge lançado em 1995, o Internet Explorer foi durante anos a forma mais conhecida de entrar na internet, tendo alcançado uma fatia de mercado de 95% em 2003. 

Em 2010, as coisas começaram a decair, com o Firefox da Apple e o Chrome da Google a tornar o mítico browser obsoleto,a Microsoft, porém, não considerou o browser prioritário e esteve focada noutros serviços e produtos durante anos. O Edge surgiu pela primeira vez em 2015, numa versão que agora se chama Edge Legacy e que também já tem data marcada para o seu fim, que acontecerá a 9 de março de 2021 no seu lugar fica o Microsoft Edge, que não é um produto totalmente Microsoft, uma vez que usa o software Chromium, desenvolvido originalmente para o Google Chrome.

Fontes:Notícias ao Minuto


Nenhum comentário: