YouTube vai mudar regras de publicidade em vídeos que têm audiência infantil

Novidade foi anunciada no mesmo dia em que empresa concordou em pagar multa de US$ 170 milhões por usar dados de crianças para direcionamento publicitário.
Em setembro, anunciamos várias mudanças que faríamos para melhorar a segurança e a privacidade das crianças no YouTube, além de responder às questões levantadas pela Comissão Federal de Comércio (FTC, na sigla em inglês) dos EUA,a principal mudança é que todos os criadores precisam indicar no YouTube Studio se os vídeos têm conteúdo para crianças ou não, e que as informações pessoais de quem assiste o conteúdo infantil devem ser tratadas como dados de crianças, independentemente da idade do usuário.

A partir de hoje 07/01/20, não veicularemos mais anúncios personalizados nem permitiremos recursos como comentários, Histórias, chat ao vivo, sino de notificação e outros em vídeos com conteúdo para crianças,sabemos que as mudanças terão impacto significativo para os criadores de conteúdo desse tipo, por isso estamos comprometidos a orientá-los sobre como agir. Continuamos a discussão sobre esse assunto, inclusive participando do período de comentários abertos da FTC. Muitos criadores de conteúdo também enviaram feedback importante.

Se você ainda não fez isso, indique se o seu canal ou alguns vídeos individuais têm conteúdo para crianças porque isso determinará como seu conteúdo será tratado no YouTube,os criadores conhecem o próprio conteúdo como ninguém, por isso pedimos que façam a classificação. Também usamos o aprendizado de máquina para identificar esse conteúdo, e os criadores podem atualizar a classificação feita pelo nosso sistema se acharem que ocorreu um erro. Faremos modificações apenas se detectarmos abuso ou erros.

Fontes:YouTube

Nenhum comentário: