Motorista bêbado é preso dormindo em posto após atropelar idoso, diz polícia

Acidente foi neste domingo em Caldas Novas, e segundo delegado, motorista de 43 anos também não tinha carteira de habilitação. Ele arrastou moto da vítima presa na frente do carro por 500 metros.
Um motorista foi preso suspeito de atropelar e matar um idoso e arrastar a moto que a vítima estava por cerca de 500 metros presa na frente do carro na G0-139, entre Caldas Novas e Marazgão, no Sul do Estado, neste domingo (19). Segundo a polícia, ele estava bêbado e só parou o veículo nas proximidades de um posto de gasolina, onde ficou dormindo até a chegada da Polícia Militar.

De acordo com o delegado Athos Galba Costa Lima, o motorista Marcelo dos Santos Resende, de 43 anos, também não tinha Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e foi preso em flagrante por homicídio culposo de trânsito, sob efeito de embriaguez. Ainda segundo Athos, o homem não apresentou advogado e continua preso.“Ele disse que não viu. Estava bêbado demais. Era noite, local com pouca visibilidade e com neblina. Ele só parou depois”, contou o delegado.

A Polícia Rodoviárias Estadual foi até o posto, fez o teste do bafômetro e constatou 0,69 miligrama de álcool por ar expelido, confirmando que ele estava embriago,Vilmar Natal de Freitas, 65 anos, era quem, de acordo com a polícia, pilotava a moto e morreu na hora ao ser arremessado por mais de 150 metros do local do acidente. Ele foi sepultado nesta segunda-feira (20) em um cemitério da cidade.

Fontes:G1


Nenhum comentário: