Projeto pretende tornar obrigatória a presença de guarda municipal em escolas de Goiânia

Proposta foi apresentada pelo vereador Paulo Daher (DEM) nesta terça-feira (19) com o objetivo de garantir a segurança nas unidades educacionais do município
Vereador Dr. Paulo Daher (DEM) apresentou nesta terça-feira (19) um projeto de lei no plenário da Câmara Municipal de Goiânia que pretende tornar obrigatória a presença de pelo menos um guarda civil metropolitano nas escolas do município. O objetivo da proposta é , segundo o parlamentar, garantir a segurança de alunos e professores,a proposta foi apresentada depois do crime que chocou o país e deixou 10 mortos em Suzano, São Paulo. 

Dois ex-alunos entraram no Colégio Estadual Raul Brasil e atiraram contra alunos e funcionários,os criminosos também usaram uma machadinha e um arco e flecha para cometer o massacre. Além dos mortos, 11 alunos ficaram feridos,em 2017, Goiânia também foi palco de uma tragédia semelhante. Um estudante de 14 anos armado abriu fogo contra seus colegas de classe e professores. Dois alunos morreram e quatro ficaram feridos, entre esses, uma menina ficou paraplégica.

Segundo Paulo Daher, diante de tantos casos recorrentes no país, é importante trabalhar de forma preventiva, evitar que novas tragédias aconteçam, por isso tomou a iniciativa. “A presença de um Guarda Civil nas escolas irá controlar a entrada de indiscriminada de pessoas não autorizadas nas unidades, vai garantir a segurança de alunos e professores e também inibir atos de vandalismo, invasões e furtos que muitas vezes ocorrem nas escolas. ”.O projeto agora segue para análise na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Casa.

Fontes:Mais Goiás

Nenhum comentário: