Anvisa proíbe venda de leite condensado por excesso da bactéria

De acordo com a agência, essas bactérias poderiam provocar vômitos e dor de barriga
Um lote de leite condensado da marca Fazendeira, da empresa Baduy, de Ituiutaba (MG), foi proibido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) de ser comercializado,o Laboratório Central Noel Nutels encontrou excesso da bactéria Estafilococos Coagulase Positiva, que pode provocar vômitos e dor de barriga, por esse motivo, a Anvisa tomou a decisão.

Antes, o lote já havia sido interditado, preventivamente, por 90 dias, mas a empresa não apresentou contraprova e o veto foi definitivo. Em nota, a Baduy informou que o produto segue os protocolos determinados pelo Ministério da Agricultura.

“A qualidade e a uniformidade dos nossos produtos seguem rigorosamente os requisitos regulamentares pelo MAPA/DIPOA (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento /Departamento de Inspeção de Produtos de Origem Animal)”, explica a nota.

Fontes:Redação

Nenhum comentário: