IFG abre 18 vagas para curso técnico em Transporte Rodoviário 27/09/17

As vagas vão ser preenchidas conforme ordem de chegada dos candidatos
O Instituto Federal de Goiás (IFG) Câmpus Goiânia, divulgou chamada pública presencial para preenchimento de 18 vagas remanescentes no curso técnico integrado ao ensino médio em Transporte Rodoviário, na modalidade Educação de Jovens e Adultos (EJA). A inscrição e o curso são gratuitos.

A seleção é simplificada e será composta por entrevista e matrícula, as vagas vão ser preenchidas conforme ordem de chegada dos candidatos,as aulas terão início no segundo semestre letivo do Câmpus Goiânia, que se inicia no dia 2 de outubro,os interessados devem ter 18 anos de idade, possuir o Ensino Fundamental completo ou que, preferencialmente, não tenham concluído o Ensino Médio.  

Para participar, é preciso ir pessoalmente até o Câmpus Goiânia, entre os dias 2 e 6 de outubro, portando uma cópia e originais da seguinte documentação: comprovante de conclusão do ensino fundamental (Histórico Escolar ou Certificado de Conclusão); certidão de nascimento ou casamento; carteira de identidade; CPF; título de eleitor; comprovante de endereço com CEP; comprovante de quitação com o serviço militar (para candidatos do sexo masculino) e uma foto 3x4 recente.

A documentação é indispensável para garantir a vaga.
O prazo para se matricular vai do dia 2 a 9 de outubro, das 18 às 20 horas, lembrando que o atendimento não é realizado nos finais de semana,o IFG – Câmpus Goiânia fica localizado na Rua 75, Nº 46, no Centro, ao lado do Parque Mutirama.

O curso
O técnico integrado em Transporte Rodoviário é ofertado no período noturno, no Câmpus Goiânia, e é direcionado para quem tem curiosidade em aprender como ocorrem o funcionamento e gestão do transporte rodoviário de pessoas e cargas,com ele, o aluno se especializa para atuar no planejamento, gerenciamento e monitoramento da operação de transportes e na administração de frotas, contribuindo com ideias e soluções para o setor. 

Fontes:Redação

Nenhum comentário: